26 de ago de 2010

PARECE MÁGICA, MAS É ORGANIZAÇÃO

Você já se imaginou abrindo o seu guarda-roupa no escuro e conseguir pegar com um só movimento, todas as peças que vai vestir?
Com uma larga experiência profissional com pessoas cegas, costumo observar atentamente o grau de simplicidade e praticidade de qualquer método organizacional que emprego em meu trabalho como personal organizer.
O que acontece quando uma pessoa escolhe as roupas que vai vestir quase na hora de sair de casa?

1. Deixa as roupas amassadas de tanto vestir e desvestir
2. Deixa sobre a cama todas as roupas que experimentou porque não teve tempo de guardá-las
3. Acaba vestindo uma roupa qualquer porque não teve mais tempo para escolher uma outra que lhe agradasse mais ou fosse mais adequada ao clima do dia, ou ainda, que estivesse em bom estado para vestir de imediato (bem passada, com todos os botões, etc.)
4. Acaba saindo insatisfeita para o trabalho, prejudicando sua produtividade naquele dia. Quando volta para casa, cansada, precisa guardar tudo o que ficou espalhado, e no dia seguinte, a rotina continua igual.

Por que será que certas pessoas insistem em manter uma rotina que o incomoda?
Por outro lado, o que será que tem de bom numa atitude como esta?
E com você tem acontecido uma situação semelhante?
Já pensou em mudar? Que tal experimentar uma mudança de hábito para que você também, possa sair de casa toda produzida?
Então, vamos lá!
Com criatividade, esta atividade poderá ser muito prazerosa!
Escolha um final de semana sem compromissos, quando você, mais tranquila, possa curtir esse momento. Convide algum amigo ou amiga para ajudá-lo nesta tarefa porque palpites de amigos sempre são bem-vindos.

- Analise suas roupas procurando: descobrir novas combinações entre elas
- Aproveite a oportunidade e separe as roupas que precisam ser repassadas, reformadas, consertadas ou doadas.
- Agrupe estes novos conjuntos que você formou
- Prenda os cabides das peças escolhidas com elástico para papéis

Cada grupo significa uma nova roupa para você vestir.
A cada semana você poderá formar novos conjuntos com novas combinações.
No final desta tarefa, você vai se surpreender com a quantidade de roupas que você tem! o que significa que você poderá investir mais em novos acessórios. Aquele colar lindíssimo que você namora há tanto tempo... aquela bolsa charmosíssima que você nunca compra porque pensa que está sempre precisando de uma roupa nova.
Lembre-se que se agora você tem mais tempo para se arrrumar, você também pode trocar de bolsa. Com tantas bolsas lindas e você sempre com a mesma bolsa?????
Lembre-se também que para facilitar ainda mais sua vida, você pode contar com o Organizador de Bolsa que a OrganizAÇÃO desenvolveu para você, mulher moderna, prática e elegante.

"Não basta vestir-se bem, você tem que surpreender!"

Beijos,
Cecilia Monteiro

17 de ago de 2010

Sua Bolsa, Sua Casa

Por que será que a maioria das mulheres gosta tanto de bolsa?

Uma pesquisa realizada com 1500 britânicas, com idade média de 30 anos mostra os seguintes resultados:

- cada mulher tem uma média de 21 bolsas

- e compra uma bolsa nova a cada 3 meses

- 7 em cada 10 mulheres responderam que precisam de tantas bolsas para combinarem com as roupas que estão vestindo

- 1 a cada 5 mulheres acumulam tantas bolsas porque não conseguem se desfazer de bolsas antigas, por valores sentimentais.

Podemos perceber, então, que não só as brasileiras gostam tanto de bolsas!

Muitas mulheres, porém, somente se sentem elegantes quando portam bolsas de marcas famosas e mesmo sem condições financeiras vão atrás deste sonho de consumo.

Outras já preferem modelos similares e, ainda, um pequeno grupo prefere bolsas artesanais.

Existem no mercado inúmeros modelos para todos os gostos, com variações de tamanho, material, cor, etc.

Há quem diga que se conhece uma mulher pela bolsa que ela porta; pelo que carrega dentro dela e ainda, que as mulheres têm mania de carregar o mundo.

De um modo geral, as mulheres não gostam que vejam o interior de suas bolsas: será que elas não querem que saibam o que tem dentro, ou será porque estão bagunçadas?!

Realmente, é constrangedor... dá a impressão que estão entrando em nossa casa bem naquele dia em que está tudo de pernas pro ar!

O pior é quando você precisa pegar algo dentro de sua bolsa quando está num guichê, ou numa fila e começa a cair coisa aqui, coisa ali e você não encontra o que quer... aí é complicado!

Aproveite esta oportunidade: organize sua bolsa agora! Assim, também evita passar por estes constrangimentos. Que tal começar?

Visite nosso blog: organizadordebolsa.blogspot.com

E veja o vídeo abaixo!




Beijos e boa organização!
Cecilia Monteiro

11 de ago de 2010

A PRIMEIRA GAVETA A GENTE NUNCA ESQUECE

Olá!
Se você já deu o passo mais difícil que é começar e já arrumou as suas calcinhas em envelope como nós ensinamos no dia 28 de julho de 2010 em ORGANIZAÇÃO CADA VEZ MAIS NECESSÁRIA, vamos dar continuidade à organização de sua primeira gaveta.

Escolhemos a PRIMEIRA GAVETA para roupas íntimas porque é a que mais abrimos e fechamos todos os dias. Se você conseguir mantê-la na ordem, poderá pegar qualquer peça sem acender a luz.

Toda vez que organizo alguma coisa lembro sempre de minha experiência com pessoas cegas quando trabalhava em biblioteca braille. Primeiro observava todos os movimentos dos funcionários e usuários cegos para depois, criar uma forma mais simples e prática de acesso, como ainda faço quando não adoto métodos comuns.

Hoje, vamos dispor os soutiens numa ordem em que você possa mantê-la diariamente. Comece com os soutiens de bojo que devem ser mantidos abertos para melhor conservação. Coloque alças e laterais atrás dos soutiens, encaixe a peça seguinte, e, repita o processo, formando uma fileira de soutiens encaixados.

De um modo geral, quando organizamos nossas roupas, começamos com as peças de cores lisas e claras para as mais escuras e, depois, as peças estampadas, também das cores claras para as mais escuras. Porém, nada impede que você adote outro critério, o que importa na organização é que você mantenha sempre o mesmo critério.

Conjuntos de calcinhas e soutiens, como qualquer outro conjunto, devem ser mantidos juntos. Encaixe as calcinhas dentro dos bojos (geralmente, usamos duas calcinhas para cada soutien quando são conjuntos) e disponha em filas. Reúna os conjuntos para que fiquem bem destacados dos soutiens avulsos permitindo que num piscar de olhos e de mãos, você possa pega exatamente o que deseja.

Quando organizamos as calcinhas, suportes próprios ou improvisados nos ajudam muito, mas para os soutiens com bojos não há necessidade porque um sustenta o outro, mantendo a ordem.
Para os soutiens sem bojo você pode dobrá-los ao meio e mantê-los em fileira com auxílio de um suporte simples como, por exemplo, uma caixa de sapato, ou transparente para ficar mais bonito. Reúna-os adotando o mesmo critério quando organizou as calcinhas e os soutiens de diversos modelos.

Como já dissemos, o importante é que você sempre mantenha reunidas as peças de mesmo modelo e cor e até mesmo, quando for o caso, ocasião, ou tecido, como por exemplo, conjuntos para festas, para ficar em casa, etc. Tudo vai depender do seu estilo de vida.

Você pode usar apenas uma gaveta para guardar calcinhas, soutiens e meias sem prejudicar a organização. Para manter a ordem das calcinhas, soutiens sem bojo e meias você pode usar as caixas ou colméias mas, para os soutiens de bojos não há necessidade porque a estrutura da gaveta bem como os próprios organizadores usados para as outras peças servirão de apoio.

Antes que me esqueça, existem várias formas de dobrar as meias para guardá-las, mas eu gosto muito da seguinte: um pé sobre o outro, dobre a parte da ponta, ou seja, 1\3 do tamanho da meia, para cima e depois mais uma vez, e, por fim guarde em pé um par atrás do outro. Adote o mesmo critério das calcinhas e soutiens, reunindo-os conforme o tipo e cor. Meias de nylon ficam bem organizadas se você guardá-las em saquinhos transparentes identificando o tipo das mesmas através de etiquetas.

Espero que com estas informações você se anime e organize sua PRIMEIRA GAVETA. Como dizem por aí, nossa primeira gaveta a gente nunca esquece.

COMENTE, OPINE, DÊ SUGESTÕES ;)
Boa semana a todos vocês

Beijos,
Cecília

3 de ago de 2010

DIA DOS PAIS - Pudim de Leite!

ORGANIZAÇÃO FAZ A DIFERENÇA!

Mais um motivo para reunir a família e festejar... Dia dos Pais é sempre um bom momento para refletir, agradecer ... de uma forma ou de outra, junto de nós, ou não... O importante é ter sempre em nosso coração a certeza de que ele nos ama e que nós estaremos sempre prontos para acalmá-lo em qualquer sobressalto da vida.

E para festejar... OrganizAÇÃO traz para você a receita de uma sobremesa que não há pai que resista. É a receita original do PUDIM DE LEITE (Claudia Cozinha), muito apreciado, numa época em que não havia leite condensado.

Para qualquer projeto, mesmo que seja uma simples receita, é preciso OrganizAÇÃO para garantir bons resultados.

PRIMEIRO PASSO: LEIA A RECEITA, ATENTAMENTE
4 ovos
4 gemas
1 xícara de açúcar
4 xícaras de leite frio
Para a calda: 1\2 xícara de açúcar e 1\4 de xícara de água

SEGUNDO PASSO: VERIFIQUE SE VOCÊ TEM TODOS OS INGREDIENTES DA RECEITA

Vá até sua despensa e verifique se você tem todos os ingredientes necessários para receita; caso contrário, coloque na lista de compras para próxima ida ao supermercado.
Organizar suas compras e sua despensa traz uma série de benefícios, como por exemplo:
- você está sempre provida de produtos que normalmente são consumidos
- você faz sempre os pratos planejados porque pode contar com todos ingredientes
- você economiza tempo sem ter que ir tantas vezes ao supermercado
- você economiza dim dim porque muitas vezes indo às compras, é gasto na certa
- você pode receber visita para o almoço ou jantar porque sempre tem algo especial no freezer
- organizando suas compras também fica muito mais fácil manter sua despensa organizada.

TERCEIRO PASSO: SEPARE OS INGREDIENTES E UTENSÍLIOS NECESSÁRIOS
Os ingredientes são os que constam da receita e os utensílios são:
-tigela grande e batedor
-peneira fina, panela e colher
-forma de buraco no meio com 23cm de diâmetro
-prato grande e fundo para desenformar o pudim

QUARTO PASSO: PREPARE A RECEITA
1. Misture rapidamente os ovos e as gemas. Acrescente pouco a pouco o açúcar, sempre mexendo.
2. Junte o leite aos poucos. Misture bem.
3. Passe tres vezes por uma peneira fina e reserve.
4. Prepare a calda misturando o açúcar e a água. Leve ao fogo até caramelizar.
5. Coloque a calda na forma e espalhe com uma colher.
6. Despeje a mistura reservada. Asse em banho-maria, em forno moderado (180 graus) preaquecido por cerca de 1 hora, ou até constatar que já está cozido através do teste do palito. Desenforme depois de frio. Dá 12 porções com 2390 cal.

Que tal presentear seu pai ou alguém que o represente dentro de seu coração com o ETERNO PUDIM DE LEITE?

“ Não basta presentear, você tem que surpreender”

Surpreenda!

* Para saber um pouco mais sobre a história dessa sobremesa e receber ótimas dicas com relação ao armazenamento dos ingredientes presentes nessa receita, mande um e-mail para organize.acao@gmail.com - teremos o maior prazer em atendê-los!

Boa semana a todos vocês!

Beijos,
Cecília